Radio Planeta Rei

sexta-feira, 24 de março de 2017

Câmara Municipal de Teixeira aprova reajuste de 7% para professores


A Câmara Municipal de Teixeira aprovou, em sessão ordinária na noite de ontem, quinta-feira (23), o Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo Municipal que reajusta o salário dos professores em 7% (sete por cento). Sem debates acirrados, todos os vereadores manifestaram-se favoráveis à  matéria, a qual  foi aprovada por unanimidade.

O salário dos professores, com reajuste, passa a vigorar retroativo ao dia primeiro de março, ou seja, os profissionais do magistério receberão os seus vencimentos com o referido aumento já na próxima semana.

Participaram da sessão o  prefeito Nego de Guri,  o secretário de Educação João Batista Filho e representantes do magistério municipal.

terça-feira, 21 de março de 2017

Justiça acolhe recurso da defesa e anula cassação do prefeito Nego de Guri


O Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba acolheu agora há pouco recurso movido pelo prefeito de Teixeira Nego de Guri  e pelo ex-vice-prefeito Deci Queiroz contra a cassação dos seus mandatos e perda de direitos políticos, ocorridas em julgamento de 2015, por prática de Nepotismo. 

A votação, que foi de 3 a 0 a favor do recurso, anulou a decisão anterior de cassação e perda dos direitos políticos, impondo apenas a aplicação de uma multa aos apelantes.

sexta-feira, 17 de março de 2017

Temer cala sobre ministros citados na lista de Janot


O presidente Michel Temer não quis responder nesta quinta-feira (16) se o preocupa a presença de seis ministros na lista de pedidos de investigação enviada pela Procuradoria-Geral da República ao STF (Supremo Tribunal Federal). Questionado pela Folha se o envolvimento dos nomes constrange o governo, o peemedebista sorriu, levantou as mãos e saiu sem comentar. O presidente participou de entrevista para o anúncio da geração de 35,6 mil postos de trabalho com carteira assinada no Brasil em fevereiro.

Os dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) geralmente são divulgados pelo Ministério do Trabalho, sem entrevista à imprensa e na última semana do mês. Em busca de pautas positivas, o governo antecipou a publicidade para ser anunciada pelo presidente.

Mesmo com as denúncias contra a cúpula do Palácio do Planalto, Temer disse em discurso que o país está em um clima de "estabilidade política e social".

Desde o início desta semana, os discursos do peemedebista têm focado apenas a área econômica, sem mencionar a lista de pedidos de investigação feita pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Ao todo, seis ministros já foram confirmados na lista, o que representa um quarto da Esplanada dos Ministérios: Eliseu Padilha (Casa Civil), Moreira Franco (Secretaria-Geral), Gilberto Kassab (Comunicações), Aloysio Nunes (Relações Exteriores), Bruno Araújo (Cidades) e Marcos Pereira (Indústria e Comércio). 

Blog do Magno

segunda-feira, 13 de março de 2017

Tribunal de Justiça da Paraíba volta a julgar nessa terça-feira recurso de Nego de Guri e Deci Queiroz


O Tribunal de Justiça da Paraíba retomará amanhã o julgamento, iniciado na semana passada, para apreciar recurso movido pelo prefeito de Teixeira Edmilson Alves dos Reis (Nego de Guri) e pelo ex-vice-prefeito Elias Germano Queiroz (Deci), contra a cassação dos seus mandatos e perda de direitos políticos ocorridas em julgamento de 2015, por prática de Nepotismo, 

Na sessão da semana passada, houve o pedido de desentranhamento das fls.424/425, 426/427 e 437/438, formulado pelo Dr. Bruno Lopes quando da sustentação oral, que foi deferido pelo relator acompanhado pelos demais Desembargadores. Em seguida, após o voto do relator que rejeitou as preliminares de inadequação da via eleita e de sobrestamento do feito, seguido do Exmo. Des. Romero Marcelo da Fonseca Oliveira, o Exmo. Des. João Alves da Silva pediu vista, provocando o adiamento do julgamento, o qual já está marcado para o dia 14/03/2017, às 9h da manhã. 

Confira abaixo:

PODER JUDICIÁRIO
TRIBUNAL DE JUSTIÇA
5ª Sessão Ordinária

Pauta Ordinária de Julgamento da Quarta Câmara Cível do dia 14 de março de 2017 
      Início da Sessão: 09:HORAS

SUPLEMANTAR

RELATOR(A): EXMO DES FREDERICO MARTINHO DA NÓBREGA COUTINHO 

01- Apelação Cível nº 00013532420138150391 
Oriundo da Comarca de Teixeira.
Apelantes: Edmilson Alves dos Reis e Elias Germano Queiroz  
Advogado(s): Johnson Gonçalves de Abrantes (OAB-PB 10.827), Danilo Moura de Moura Bastos (OAB/PB 20.489), Arthur Martins Marques Navarro (OAB/PB 19.341), Luiz Gustavo Sousa Marques (OAB/PB 14.343) e Edward Johnson Gonçalves de Abrantes (OAB/PB 10.827) 
Apelado: Ministério Público Estadual. 

sexta-feira, 10 de março de 2017

Teixeira-PB: Processo Criminal Sigiloso contra Vereador, sua esposa e sua família foi Arquivado por falta de Provas



Por Thadeu Filmagens para o Teixeira Notícias

O processo criminal sigiloso que foi impetrado pelo MPE – Ministério Público Estadual contra o Empresário e Vereador Assis Ferreira Tavares – Assis Catanduba, além de membros de sua família aberto no ano de 2014 sob alegação de CONTRATOS FRAUDULENTOS, bem como, o uso de SÓCIOS “LARANJAS”, foi arquivado pelo Juiz da Comarca por falta de provas.

O Blog Teixeira Notícias ao saber por fontes que seria verídico tal fato, entrou em contato com o Advogado do Vereador, o Sr. Wellyngton para colher maiores informações e levar até seus internautas e leitores como ponto de informação dos fatos acontecidos em nossa cidade de Teixeira-PB e para o mundo.

O Advogado conversou com nossa reportagem, mostrou o documento de arquivamento (foto abaixo) e expôs em forma reduzida o porquê, e o que fez para que o Processo Criminal Sigiloso de 1.200 (Hum mil e duzentas páginas) fosse Arquivado pelo Juiz.

A nossa reportagem foi recebida na residência do Vereador Assis Catanduba que nos falou sobre a satisfação e felicidade que está sentindo em poder mostrar ao povo de sua cidade, Teixeira que não fez nada errado e o que falou em algumas gravações que captaram ele em nenhum momento se escondeu e assumiu o que falou.

Vereador da base aliada, Azedo de Poços, vota contra e ajuda a derrotar projeto de lei que reduzia salários de vereadores

O vereador David Novo Diniz (conhecido como Azedo de Poços), que pertence a base aliada do prefeito Nego de Guri, votou contra o Projeto de Lei de autoria da Mesa Diretora da Câmara, o qual tinha como proposta reduzir os salários dos parlamentares da Casa Inês Cordeiro de Araújo. 

O voto contrário de Azedo foi determinante para derrotar o projeto que necessitava de maioria simples para ser aprovado, ou seja, metade mais um dos presentes. Os outros vereadores que votaram contra a redução dos salários foram Almir Julião, Elisson Queiroz, Galego de Lô e Ederivaldo Macário.

Votaram a favor o presidente Valone Dias, Assis Catanduba, Nilda Lira e João de Romualdo.

Ao fazer uso da tribuna, Azedo afirmou que  o seu posicionamento contrário ao Projeto não representava um rompimento com a base aliada do governo municipal, mas sim um posicionamento pessoal por entender que a diminuição dos seus salários inviabilizaria que continuasse servindo ao povo que lhe procura em busca de ajuda.

Foto: Thadeu Filmagens

Teixeira-PB: Sessão para votar redução de salários tem Projeto Reprovado


Com o auditório lotado, A Câmara de Vereadores da cidade de Teixeira, localizada no Sertão da Paraíba rejeitou na Sessão que foi realizada na noite desta quinta-feira (09), por cinco votos a quatro, projeto que pretendia reduzir os salários dos vereadores para a Legislatura 2017 – 2020 dos atuais R$ 6.500,00 (Seis mil e quinhentos reais) para R$ 5.000,00 (cinco mil reais), ficando assim a redução de R$ 1.500,00 (Hum mil e quinhentos reais). 

Caso a propositura, de autoria da Mesa Diretora que compõem os Vereadores Valone Dias (Presidente), Assis Catanduba (Vice-presidente) e Nilda Lira (Secretária), assinada ainda pelo Vereador João de Romualdo (todos da situação), fosse aprovada, o subsídio dos parlamentares passaria, a partir de 2017, em valores atuais a cerca de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) ao Invés dos R$ 6.500,00 (seis mil e quinhentos reais) que percebem agora.

Votaram a favor do Projeto pela redução os vereadores Valone Dias, Assis Catanduba, Nilda Lira e João de Romualdo.

Foram contrários os vereadores Ederivaldo Macário (Déra), Almir Julião, Elysson Queiróz, Galêgo de Lô (esses oposicionistas) e mais o Vereador da situação David Diniz, mais conhecido como Azedo, que foi a grande surpresa da votação, já que ele faz parte (ou fazia) da base aliada do Prefeito Nêgo de Guri e do Vice-prefeito Zé Mário.

Todos os nove Vereadores que compõem a "Casa Inês Cordeiro de Araújo" tiveram o tempo de 15 minutos na Tribuna para justificar antes mesmo da votação o porque do seu voto contra ou a favor.

Os Vereadores, Galêgo de Lô, Almir Julião  justificaram que o projeto seria inconstitucional, porque criaria a ingerência.

O vereador Valone apresentou a todos os presentes à Casa Inês Cordeiro de Araújo um documento onde o Juiz dizia que a matéria era Constitucional e não Inconstitucional como disseram alguns Vereadores em suas justificativas.

Postado por Thadeu Filmagens às 20:13 

Prefeito decreta Luto Oficial pelo falecimento de Seu Antônio Macaxeira. Sepultamento acontece hoje às 10h da manhã


O prefeito Edmilson Alves dos Reis, por meio do Decreto nº 006/2017, publicado no fanal da tarde dessa quinta-feira (09/03) instituiu Luto Oficial por três dias em todo território do Município, nos órgãos e entidades da Administração Direta, do Poder Executivo Municipal, em virtude do falecimento do senhor ANTONIO DE SOUZA BATISTA.


Na ocasião, o prefeito Nego de Guri divulgou uma nota de pesar.

NOTA DE PESAR

A Comunidade teixeirense, em especial asfamílias Batista, Souza, Paz e Xavier ficam na orfandade por um de seus componentes mais prezado por todos.

Lamentável a perda do Sr. ANTONIO DE SOUZA BATISTA, mas conhecido nas hostes teixeirenses como Seu Antônio Macaxeira ocorrida nesse dia 09 de março de 2017.
Nosso Município e toda a administração ficaram consternados por essa notícia tão triste, que enluta a todos nós, mormente por se tratar de pessoa de nossa estima e ex-servidor da Prefeitura Municipal.

A educação do município de Teixeira está pranteada e enlutada, pois, muitos dos parentes do Seu Antônio Macaxeira trabalham com denodo e responsabilidade pela causa do ensino público de nosso município.

Com a dor profunda de todos os nossos conterrâneos, quero externar meu pesar pela morte desseque em vida soube cultivar amizades conviver no trabalho com o respeito de todos, por isto,  minhas condolências à toda sua família e a todos os seus amigos e admiradores.

Teixeira, 09 de março de 2017
EDMILSON ALVES DOS REIS
Prefeito Constitucional
Secom Teixeira / Foto internet

O sepultamento de Seu Antônio Macaxeira acontecerá  às 10h da manhã de hoje. Nossa solidariedade á família enlutada.

quinta-feira, 9 de março de 2017

Motorista embriagado provoca acidente e faz vítima fatal na Serra do Teixeira

Lourival Tenório
Um grave acidente envolvendo carro e moto deixou vítima fatal no final da tarde desta quarta-feira, dia 08, na PB 262, na Serra do Teixeira, próximo a cidade de São José do Bonfim.

O fato aconteceu quando o senhor José Guimarães Pinto (foto), 63 anos, conduzia o seu veículo Chevrolet, modelo Corsa Classic, em sentido Teixeira/São José do Bonfim e colidiu frontalmente com a moto conduzida por Lourival Tenório do Nascimento, 37 anos, que seguia em sentido contrário ao veículo.

De acordo com informações, José Guimarães Pinto invadiu a faixa contrária e provocou o acidente fatal. O impacto foi tão violento que Lourival Tenório teve o capacete partido, fraturas expostas nas pernas, traumatismo craniano e várias escoriações pelo corpo.

Equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi deslocada da cidade de Patos para prestar os primeiros socorros à vítima. Como a viatura enviada foi uma Unidade de Suporte Básico (USB), ao chegar no local, tendo em vista a gravidade do jovem Lourival Tenório, foi pedido apoio da Unidade de Suporte Avançado (USA).

Lorival Tenório deu entrada no Hospital Regional de Patos ainda com vida, apesar da gravidade dos ferimentos, no entanto, por volta das 03h00 desta quinta-feira, dia 09, não resistiu e veio a óbito.

O motorista do veículo, José Guimarães, fez teste de alcoolemia, o conhecido “bafômetro”, e foi constatado que ele dirigia embriagado. José Guimarães foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil para os procedimentos de praxe por guarnições da 4ª Companhia de Policiamento de Trânsito (4ª CPTRAN).

Patosonline
Foto: Jabrenews

segunda-feira, 6 de março de 2017

Desembargador João Alves pede vista de processo e julgamento de Nego de Guri e Deci Queiroz é adiado

Desembargador João Alves
O jornalista Thércio Rocha acaba de publicar que o desembargador João Alves pediu vistas do processo que trata da cassação do Prefeito Nego de Guri e do ex-vice-prefeito Deci Queiroz. 

De acordo o jornalista, o Tribunal de Justiça da Paraíba marcará uma nova data para o julgamento a fim de que o desembargador João Alves tenha tempo de analisar melhor o processo e proferir o seu voto.

Presidente da Câmara Valone Dias diz que Nego de Guri não será afastado do cargo e concluirá os quatro anos de mandato


O Presidente da Câmara Municipal de Teixeira, Valone Dias de Oliveira, publicou na manhã de hoje em sua página do facebook que em nenhuma hipótese o prefeito Edmilson Alves dos Reis será afastado pelo Tribunal de Justiça no julgamento de hoje.

Para Valone Dias, o Tribunal de Justiça poderá tomar uma das  quatro decisões abaixo, e nenhuma delas levará ao afastamento do Prefeito Nego de Guri do cargo que ocupa. 

Decisões que poderão ser tomadas pelo Tribunal Justiça no julgamento de hoje, segundo Valone:

1- Absolvição total;

2- Nulidade processual e os autos retornam a primeira instância para nova instrução ( O prefeito não foi intimado da decisão interlocutória que recebeu a peça inicial, trazendo prejuízo à defesa, pois caberia o recurso de agravo ( acredito nessa hipótese);

3- Desclassificação da pena imposta em primeiro grau ( há inúmeras decisões, em casos semelhantes, inclusive de outras turmas cíveis do Tribunal da Paraíba, pela não condenação do afastamento do cargo);

4- Manutenção integral da condenação imposta em primeiro grau - tese menos provável (nesse caso, cabe vários recursos, inclusive no próprio TJ/PB. A perda da função pública e a execução das demais penas impostas só ocorre depois do trânsito em julgado da ação... Até chegar ao STF a caminhada é longa e o Prefeito conclui seu mandato)!

No final da exposição escrita, o presidente criticou os que desejam a destituição  do Prefeito Nego de Guri, afirmando que suas considerações, dele, são abalizadas no campo real do direito, sem mágicas sonhadores. “Aguardemos o resultado... E preciso aceitar o julgamento popular!”, declarou o presidente.